10

11 de julho de 2020

Uma década se passou desde que criei este espaço para falar de coisas que eu gosto. No decorrer virou um blog em que postava muita coisa de livro e música, mas aos poucos foi tomando um estilo mais pessoal. Hoje já consigo me abrir mais para contar coisas que me abalam, que me fazem pensar e refletir.

via Unsplash 
Pode ser que no atual momento — e mesmo desde o ano passado — eu não tenha dado tanta atenção para ele. Pode ser que nesses últimos tempos as coisas tenham ficado estranhas, a criatividade deu uma sumida (mesmo tendo ideias para alguns textos, mas não conseguir desenvolvê-los), mas esse espacinho será parte de uma história muito maior. Estou em blogs há pelo menos 12 anos, sendo que 10 deles são só com essa casinha. Posso me dar ao luxo de dizer que não é pouca coisa, hehe.

Mudei muito de 2010 para cá. Não foram só os templates/layouts, nem só os próprios nomes; foram tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, e esse blog estava aqui para que eu pudesse contar para quem quisesse ler tudo o que eu tenho para falar, sem me ver sentindo aquela sensação de “mas ninguém me perguntou nada”. Pois aqui é meu cantinho de aconchego, não preciso que ninguém pergunte para que ele serve, ele está aqui porque eu estou e isso já é o motivo de tudo isso. 

Me faz sentir que esse blog é um lar, simplesmente. Onde abriga minha história contada, minhas preferências, alegrias e péssimos dias. Não tem lugar melhor na internet em que você possa me conhecer melhor que aqui. E acompanhar minha evolução como pessoa. 

Então, ao mesmo tempo que é o blog que faz aniversário, mais especificamente, o que se comemora é minha existência no período em que este blog está no ar.  Sem minha dedicação ele poderia ter “morrido” há tanto tempo. 

Não queria escrever um texto enorme, então para contemplar essas palavras, escolhi nove textos para ilustrar o passar do tempo (não foram dez porque esse aqui seria o décimo, rs). Meu critério na escolha foi totalmente aleatório; eu quis buscar alguns textos que gostei de escreve e/ou posts que, mesmo que curtos ou simples, eles trazem algo para mim além de só uma coisa escrita e pronto. Dá para perceber uma evolução na escrita, nos temas e isso é a história desse bloguinho, dessa casinha virtual que me traz, de qualquer modo, muito contentamento. :)

2010
Come away with me...and Norah Jones — como escrever sobre música sempre me agradou muito, esse texto é um dos primeiros que me fez continuar até hoje. Gosto dos detalhes.

2011
Na estante: A Hora da Estrela — assim como música, livros são especiais. Às vezes me surpreendo em como conseguia escrever tão bem a  opinião sobre um livro.

2012
Cinco animes assistidos na infância — sou movida a nostalgia, então esse texto foi uma coisa muito boa de escrever e ver como algumas pessoas gostaram de relembrar da infância comigo. ♡

2013
Um pouco sobre o blog...no blog! — pra conhecer um pouco do blog, quando ainda era Mundo de Morfeu.

2014
Manias de Leitor(a) — adquiri algumas manias como leitora pelos anos, é um jeito de me conhecer mais como leitora, rs.

2015
Feliz aniversário, envelheço na cidade — nesse aniversário fiz as pazes com minha idade e coloquei muitos sentimentos em forma de texto.

2016
Os livros que nunca lerei — esse aqui fez um certo barulho (nada muito grande, não) e acho que ele vale muito ainda. 

2017
A vista do meu lugar — às vezes não é um textão que vai trazes aconchego. Simplesmente algumas frases combinadas com uma foto, para registrar um tempo que estava bom e que eu não queria esquecer.

2018
Um nome é só um nome — mudei de nome há dois anos e marcou como às coisas por aqui sempre foram e sempre serão muito mutáveis.

2019
Nove anos, inconstâncias e reclamações — nem sempre de posts positivos a gente vive. Por isso é importante se identificar com o espaço que a gente habita. 

muito obrigada a quem esteve sempre por aqui e por quem chegou aqui por seu próprio interesse e gostou/gosta de acompanhar meus escritos e loucuras, rs. 
J.

Um comentário

  1. Que legal essa retrospectiva. 10 anos não é para qualquer um não é mesmo? Eu tenho também, mais de 15 anos de blog. Do tempo da internet discada, onde a gente só escrevia sobre os acontecimentos da escola quando não tinha para quem contar kkkkk.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo comentário e pela visita! ♥
Responderei assim que puder ;)